25 setembro 2009

Desejo ardente...

Toca-me
Toca o meu ser
Faz-me sentir
O amor que tu dizes ter por mim

Olha-me
Enxergue o que eu não mostro
Sinta o que eu reprimo
Mergulhe em minh'alma
Oh! Meu menino

Perdoe-me
Reprimo por não conseguir reproduzir o que preciso
Pouco é o que digo
Nada consegue transcrever o que pede minh'alma

Tentei dizer-te que minh'alma pede a ti
Tentei falar-te do desejo ardente que há em mim
Tentei lançar-me em teus braços e esquecer de mim
E recordar apenas do muito que te amo
E do quanto te quero junto a mim

(Erica Ferro)



P.s: Opa! Olha os poemas aí de novo, gente!
Sim, a inspiração me veio, repentina e forte, agora.
Então, nasceu mais um poema da Erica Ferro. Meloso, sim. Igual a todos que escrevi?
Bem, talvez a temática seja a mesma - o amor -, mas não é igual. Nunca é igual, a emoção de escrever é outra e a satisfação do 'filho nascido' é sempre única.
Mas, claro, apesar de eu não saber escrever lindamente - e, o principal, bem -, eu gosto de escrever.
Escrever me faz bem - me sinto compartilhada, revelada, livre e leve (só faltou o solta! haha).
Bem, acho que a postagem de hoje fica por aqui.
Só quero, para finalizar, desejar um final de semana excelente a todos.
Divirtam-se!
Lembrem-se:
Amanhã é sábado, dia de ser feliz. Todo o dia é dia de ser feliz. Todo o dia é hora de ser o que se quer ser e fazer o que sempre se quis fazer.
Hoje, agora e sempre é o momento de fazer e acontecer, de ser e estar, de falar e de ouvir, de cantar e tocar. Toque! Emocione e se emocione.
Okay, okay, me empolguei muito com esse P.s.
Chega, chega! Está bom, não é?
Grande abraço, caros blogueiros.
Até a próxima.

29 comentários:

  1. Parabéns
    escreve super bem poemas.

    VOlte mais com novos por ae

    bjoss

    ResponderExcluir
  2. Você escreve muito beem!
    Se foi meloso? Não!
    [Eu sou menina romântica, então não achei xD]
    Parabeens!
    =*
    POsso te seguiiir?
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Maravilhoso é ser lido por dentro com perspicácia, sem que qualquer palavra precise ser dita. Ser descoberto dia a dia, e também descobrir e se perder em fascinação.
    Adorei teu poema, e muito obrigado por tuas palavras.
    Deixo um abraço.

    ResponderExcluir
  4. Que lindo! e doce :)

    Todo mundo quer alguém que nos toque (o coração) e nos veja (por dentro). Né?

    ResponderExcluir
  5. Lindo poema como todos,e você escreve muuuito bem ok?!Rs'

    E você falou tudo!Toda hora,todo dia é hora de viver,de ser feliz,de cantar e tocar!;)

    Bjs...

    ResponderExcluir
  6. Ah, eu adorei esse poema assimc omo todos os outros.

    O tema "Amor" nunca irá ficar saturado! É algo muito intenso!

    -- -- --

    Eu não tenho nenhum probleminha em falar em público. É claro que dependendo do tamanho do público você fica com aquele friozinho na barriga, mas sempre sai! (:

    Nunca me cançarei de agradecer pelo carinho!

    p.s: Não sei se o encontrarei! >< Te mantenho informada! Haha' ;*

    Beijos, minha querida! Ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  7. Você foi a primeira a entender o significado do meu poeminha trágico!
    Todos os meus amigos disseram que eu era cruel por matar João. rs

    Não precisa agradecer. É com muito prazer que venho aqui. Acho o máximo os seus poemas, seus textos e até a sua conversa pós-post, que sempre tem algo especial - como lembrar que sábado é dia de ser feliz *-*

    Beijos e queijos :)

    ResponderExcluir
  8. Pelo jeito voltou com tudo mesmo em!
    Adorei o poema.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. TOCA M TB!

    amei parabéns... lindo!!

    bjinhs, amores e tocares

    Lelli

    ResponderExcluir
  10. Eu acho que eu já falei que amo seus poema... Não me lembro mais se não falei agora vc já sabe...
    AMO SEUS POEMAS.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Acho bonito quem é poeta. E você é poeta, moça bonita :-)

    vou continuar vindo aqui. :) to seguindo rs

    ResponderExcluir
  12. muiito fofo o post..
    bem romântico..a cara do meu namorado!

    bjO!

    ResponderExcluir
  13. 'Enxergue o que eu não mostro'. E não é isso que nós mulheres empre procuramos? Bem, pelo menos eu sim, hehehehehehe.

    E como assim você não escreve lindamente? Claro que escreve! Você tem um talento impressionante, seus textos e poemas são maravilhosos.
    :*

    ResponderExcluir
  14. É assim mesmo já escrevi até sobre o fato de estar sem inspiração. Quem se liberta escrevendo não consegue deixar de fazê-lo.
    Beijos e um ótimo final de semana para você também.
    ¥

    ResponderExcluir
  15. falar de amor sempre parece clichê, mas a gente sabe que nunca é.. xD
    bjusss

    ResponderExcluir
  16. Sempre adoro seus poemas e claro que não são iguais, cada um tem um jeitinho especial de falar de amor. Muito lindos!
    Bjooss

    ResponderExcluir
  17. as vezes me dá vontade de escrever também
    primeira vez aqui
    :D

    ResponderExcluir
  18. Concordo com o que todos disseram... Falar de amor é sempre intenso, por mais que pareça clichê, a cada dia se reinventa em nós e na forma de trasnmiti-lo aos demais.

    Esse poema é único!

    "Tentei falar-te do desejo ardente que há em mim" [/2]
    Derreti-me com a última estrofe!
    ;*

    ResponderExcluir
  19. Bacana seu poema! =D
    É, as pessoas precisam mesmo falar de amor!

    ResponderExcluir
  20. Concordo. Todo dia é dia de ser feliz. Ahh, nem todos os seus poemas são melosos, você os faz tão bem :)

    ResponderExcluir
  21. owwn' amei o poema,me faz pensar e repensar.

    E com certeza,todo o dia é dia de ser feliz.Vamos fazer acontecer!

    ResponderExcluir
  22. Você e esses seus poemas que me deixam sem palavras ;)

    "Olha-me, enxergue o que eu não mostro"

    ah, se o meu menino lesse isso!

    beijos!

    ResponderExcluir
  23. Desejo... adoro!
    Ficou muito lindo o poema, adorei ele!

    Beeijos!

    ResponderExcluir
  24. Oi, Erica!
    Eu também já tinha passado por aqui (já disse que amo o nome do seu blog), mas fazia tempo que não te visitava.

    O poema é lindo, meu parabéns! Acho superdifícil escrever poesia e mais difícil ainda escrever uma BOA poesia.

    Obrigada pelos elogios lá*, também considero seu blog lindo em tudo.


    Também segui você.

    ResponderExcluir
  25. Lindo lindo lindo. Sou sua fiel leitora, e tenho um carinho grande por você, sabia? :*

    ResponderExcluir

Fico feliz que tenha visitado o Sacudindo Palavras! Sempre que sentir saudade, volte. Será muito bem-vindo (a).

E então, quais as palavras que você irá sacudir?