02 fevereiro 2013

Com vocês, Otis Redding!

Não sei se vocês sabem, mas eu amo música. Adoro descobrir cantores e bandas antigas, e a Rádio Uol e o Grooveshark são meus portais mais acessados pra descobrir verdadeiros tesouros.
Hoje quero apresentar a vocês Otis Redding


Cantor estadunidense de soul da década de 60, Otis sempre gostou de compôr suas próprias canções. O seu estilo sempre foi carregado de sentimentalismo, de paixão. E eu adorei isso nele. Eu sou uma mulher muito apaixonada, pessoas. Afinal, que graça tem a vida sem uma paixão tórrida e insana? Nenhuma, certo?
Devaneios à parte, voltemos a Otis Redding. A bem da verdade é que ele se tornou mais conhecido um ano após a sua morte (em um acidente de avião), com a música (Sittin' On) the Dock of the Bay (uma música de letra muito linda e de melodia esplêndida!).
Quando ouvi Redding pela primeira vez, creio que foi na Rádio Uol, fiquei totalmente encantada por sua voz e pela batida de suas músicas. Quis saber mais sobre o cara, escutar mais músicas dele. E assim o fiz. Não me arrependi nem um pouco, porque encontrei uma música mais linda que a outra! A voz dele é marcante e suas músicas sempre têm uma melodia cativante e envolvente. Que pena que morreu tão jovem, aos 26 anos!

Well, eu fiz uma playlist com cinco músicas. E, como gosto de fazer, antes de postar a playlist, comentarei um pouco sobre cada escolha que fiz.



Caramba, como eu gosto dessa música! Ouso dizer que é a minha preferida do Otis. E não, não é porque é seu maior sucesso, e sim porque essa música roubou meu coração, pela melodia, pela letra. Por tudo, enfim. E eu adoraria estar sentada no píer de um porto, vendo a maré, vendo o mar, pensando na vida, desejando dias melhores. Definitivamente, não há como não cantar ♫ Now I'm just go sit at the dock of the bay watching the tide roll away. Sittin' on the dock of the bay, wasting time... ♫ de maneira empolgada. Canto, de olhos fechados, completamente embalada por essa melodia tão magnífica.

Stand By Me


Quem não conhece essa? Acho que quase todo mundo conhece, mas não sabe bem quem compôs. A Wikipédia me informou que essa música foi composta por três caras: Ben E. King, Jerry Leiber e Mike Stoller. Foi gravada originalmente por Ben E. King, que ainda está vivíssimo e é um notável cantor de soul. Depois dele, vários interpretaram Stand By Me, inclusive o meu amado e querido John Lennon. Sou apaixonada por Lennon e sua música e não sei dizer qual versão me encantou mais, se a do Lennon ou do Redding, mas posso afirmar que ambas me arrancaram suspiros e me ganharam de uma maneira única.

 I've Been Loving You Too Long


♫ I've been loving you too long to stop now... ♫. Caracóis! Arrepiei, minha gente. Simplesmente arrepiei! Esse negócio de amar imensamente, amar por tanto tempo. Esse tipo de amor que parece nunca acabar e é tão forte que nem o tempo nem as barreiras podem destruir me arrebatam. Sem falar que me identifico com amores longos e intensos. Enfim, essa música é linda.

 That's How Strong My Loves Is


♫ If I were the sun way up there, I'd glow with love most everywhere. I'll be the moon when the sun goes down, just to let you know that I'm still around... ♫
Jesus, esse cara foi um poeta! Se alguém cantasse algo assim pra mim, eu me apaixonaria perdidamente. Ô música bela, meu Deus!

My Girl


♫ Talking about my girl. I've got sunshine on a cloudy day with my girl. I've even got the month of may with my girl... ♫
Ah! Essa todo mundo conhece, certo? My Girl, composição de Smokey Robinson e Ronald White, ganhou várias versões. Já escutei algumas delas, mas essa do Otis Redding... carambolas saltitantes, amei demais! E, preciso dizer, essa é uma das músicas que, se cantassem pra mim, eu me apaixonaria loucamente e eternamente.

Well, comentários feitos, agora escutem a playlist!


• • • 
E então, gostaram do Otis Redding? Espero que tenham gostado e que tenham se interessado em procurar mais músicas desse big guy do soul.
(...)
Todas as imagens desse post foram encontradas no Google.
(...)
Curtam a fan page do Sacudindo Palavras e sigam no Twitter.
(...)
Hoje estive no Gurias Arretadas também. Postei um pouco da música do grande Tim Maia. Confiram aqui.
(...)
Quero agradecer imensamente aos comentários de apoio feitos no último post, no qual falei sobre os últimos meses atribulados que tenho vivido. Não tem sido fácil e há uns dias que são realmente angustiantes e quase enlouquecedores. Mas podem deixar, estou tentando manter a calma e a fé. Isso tem que ser só uma fase ruim (pra lá de ruim, na verdade), certo? Aliás, foi revelador ver que tantas pessoas se identificaram com o post e disseram que passaram ou passam por coisa parecida. Não me sinto melhor, porque não me alegro com o sofrimento alheio, mas confesso que me sinto menos sozinha e perdida. É reconfortante saber que há pessoas que entendem bem como eu me sinto. Quando precisarem conversar, não ousem me procurar. Ando numa fase em que procuro apoio, mas também tenho tentado apoiar quem passa por algo semelhante. Faz parte do processo da minha melhora.
(...)
Um abraço da @ericona.
Hasta la vista!

20 comentários:

  1. Estou escutando as músicas deste cantor. Que belo! É uma preciosidade que não conhecia. Eu também sou apaixonada por música.
    Quero agradecer pela mensagem sobre a tragédia que aconteceu na minha cidade. Obrigada!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  2. Amei!!! Este é o estilo de música que eu adoro. Sempre é legal estar no quarto lendo, escrevendo ou até mesmo organizando as coisas tendo uma musiquinha destas como trilha sonora, me sinto em um filme (devaneios)! Ou seja, música pra todas as horas! Quem me ouve escutando deve pensar que eu tenho um espírito muito velho... que bom saber que existe alguém que curte o mesmo estilo que eu! Ahahaha!

    E falando em My Girl, eu recomendo a versão The Jackson 5 . Linda!

    Beijos! :)

    ResponderExcluir
  3. Ele me lembra Ben E King, Lindo. Já testou o 8tracks? é ótimo pra descobrir musicas e compartilha-las. Adorei a dica, beijos. http://minutosdetedio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Erica gostei sim :) não o conhecia, mas tive a impressão de já ter ouvido :D beijinhos e boa semana

    ResponderExcluir
  5. Adoro as músicas do Otis!

    Cresci o ouvindo por uma boa influência vinda dos meus pais, que o adoram também! <3

    E adorei a playlist, já estou até prevendo uma noite de domingo pra lá de inspiradora e com uma ótima trilha sonora! haha

    Obrigada e um super abraço pra você! :*

    ResponderExcluir
  6. Acabo de parar tudo que estou fazendo para ouvir isso. Que indicação maravilhosa! A música produzida pelos afro americanos raramente deixa a desejar...

    ResponderExcluir
  7. Que delícia essa descoberta! Eu adoro música nesse estilo, é uma delícia. <3

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  8. Adorei a voz dele. Me deu uma nostalgia tremenda da época que morava com meus pais. Meu pai escutava muito músicas assim!
    Um beijo ericona!

    ResponderExcluir
  9. nunca escutei nada dele, mas confesso que morri de vontade. abri logo o youtube e to esperando o video carregar!!! *-* que vozerão né? bjs

    ResponderExcluir
  10. Oi Erica, muito legal um post sobre o cantor. Eu adoro música assim também e, apesar de não saber que eram dele, já conhecia algumas dessas. Adorei! Parabéns pela indicação, vou procurar mais alguma coisa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Vou ouvir, com certeza... Também gosto de ouvir umas músicas mais antigas...

    ResponderExcluir
  12. Oi Erica
    Sempre vejo a propaganda do seu blog no face, e hoje vim fazer uma visita e já vou ficando. Muito bom o post, vc tem um ótimo gosto musical, também gosto de música soul, é o máximo!
    Quanto ao que passou, não sei, mas saiba que tudo passa, eu já passei por muitas, e venço um leão por dia.
    Bjos. Fique com Deus!
    http://ashistoriasdeumabipolar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Otis é muito amor, eu adoro. Sem contar que acho inspirador, já tive várias ideias de textos ouvindo suas músicas.

    ResponderExcluir
  14. Oi Erica, tudo bem flor?
    Amei esse post sério!!!!!!
    Você tem um gosto musical muito bom, e esse cara tem a voz simplesmente perfeita. sou suspeita porque prefiro mil vezes musicas mais antigas, acho que naquela época as pessoas sabiam compor. Uma pena que ele morreu tão jovem, mas as musicas dele continuam tão presentes que de certa forma ele continua vivo.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    ResponderExcluir
  15. Também amo música, e quando descubro algo que gosto não paro de ouvir. rs
    Tenho um amigo que vive me mostrando coisas novas, e muito boas, o último que ele me apresentou foi Cícero Rosa Lins. Ele é ótimo. *-*
    E ouvi a sua playlist, já tinha ouvido falar sobre o Otis e as músicas dele são bem boas. Na verdade as músicas dos anos 60, 70, 80 e 90 são muito boas. Quem me dera ter nascido em umas dessas épocas, deveria ser maravilhoso dançar as músicas do Otis nos bailes. *---* rs

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi, passando muito rápido, sem tempo, sabe como é né??
    Tem postagem nova no blog.
    Bjos

    ResponderExcluir
  17. Olá flor! Aii eu não conheci o cantor, mas a música número dois eu já tinha ouvido e gosto muito. Adorei suas outras dicas de músicas dele. Fico feliz que as palavras de,nós amigas blogueiras, tenham te feito bem. Força!^^Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

    ResponderExcluir
  18. Amei o post! Não conhecia e não ouço muito músicas deste gênero, mas gostei e vou procurar ouvir mais. A voz dele é tão agradável! Adorei a indicação.
    Beijos

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Érica não precisa agradecer amiga, espero que você melhore, sei que não é fácil, mas você irá passar bem por tudo isso, beijos e bom feriado

    ResponderExcluir
  20. é a primeira vez que ouço falar dele. curti pacas a voz do cantor!
    ~~ Emilie Escreve ~ FanpageTwitter

    ResponderExcluir

Fico feliz que tenha visitado o Sacudindo Palavras! Sempre que sentir saudade, volte. Será muito bem-vindo (a).

E então, quais as palavras que você irá sacudir?