30 março 2015

A você, com amor - Vinicius de Moraes

A você, com amor
Vinicius de Moraes

O amor é o murmúrio da terra 
quando as estrelas se apagam 
e os ventos da aurora vagam 
no nascimento do dia... 
O ridente abandono, 
a rútila alegria 
dos lábios, da fonte 
e da onda que arremete 
do mar...

O amor é a memória 
que o tempo não mata, 
a canção bem-amada 
feliz e absurda...

E a música inaudível...

O silêncio que treme 
e parece ocupar 
o coração que freme 
quando a melodia 
do canto de um pássaro 
parece ficar...

O amor é Deus em plenitude 
a infinita medida 
das dádivas que vêm 
com o sol e com a chuva 
seja na montanha 
seja na planura 
a chuva que corre 
e o tesouro armazenado 
no fim do arco-íris.

• • •

Nota rápida:
Olá, povo. Não, eu não morri. Apenas ando ocupada e um tanto sem inspiração e ânimo para gerar conteúdo para esse querido blog. Como não gosto de me forçar a fazer coisas que amo, como, por exemplo, escrever, que é o caso em questão, estou dando tempo ao tempo e aguardando o meu período produtivo voltar. 
Hoje estava com vontade de cair de cabeça num mar de poesia, então resolvi ouvir e ler Vinicius de Moraes, que tanto gosto. Esse poema A você, com amor  me chamou atenção em especial e eu quis compartilhá-lo com vocês, os meus queridos amigos seguidores. Não sei se vocês conhecem o site dedicado ao Vinicius, o poetinha, mas se não conhecem, sugiro que conheçam clicando aqui. É um espaço maravilhoso no qual, em suma, figuram diversos conteúdos sobre a vida e obra de Vininha.
Agradeço a todos que passam por aqui, deixam um comentário, um elogio, um carinho, uma crítica construtiva etc. São essas coisas que me alegram e colaboram para que eu continue blogando.
Um grande abraço a todos.
Se quiserem curtir a fan page do blog e/ou seguirem no Twitter, é só clicar aqui e/ou aqui.
Hasta la vista.

Erica Ferro

3 comentários:

  1. Se não passasse por aqui, não saberia de um site dedicado ao poetinha. Nunca tive a curiosidade de procurar e olha que também adoro o poeta!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oi, querida Erica! Fico aqui torcendo para que consiga resolver tudo e voltar muito em breve com a mente mais descansada. Aguardo seu retorno!

    ResponderExcluir
  3. Bom saber que está viva rsrs
    Brincadeira. Sei que está treinando demais. Espero que encontre sua inspiração e volte com seus belos textos.
    Ah, boa escolha de poesia.
    Abraços Mika,
    Pensamentos Viajantes

    ResponderExcluir

Fico feliz que tenha visitado o Sacudindo Palavras! Sempre que sentir saudade, volte. Será muito bem-vindo (a).

E então, quais as palavras que você irá sacudir?