24 dezembro 2013

Just believe!



Há uns dias estava garimpando músicas bacanas na maravilhosa fonte musical que é o Grooveshark, e encontrei essa lindeza de música: extremamente doce, tocante, com uma mensagem encantadora. Vejam o vídeo. Escutem a melodia. Leiam a letra. Nessa magia natalina eu acredito. Acredito que, mesmo com muito para nos preocupar, há muito o que celebrar. Celebremos, pois. Deixemos essa magia contagiar nossos dias.
Independente de religiões e de alguns fazerem dessa época um tempo de consumo desenfreado, penso que não é uma data que devemos ignorar. Creio que ter um dia do ano para avaliar nossos feitos e os não-feitos é válido. Creio, mesmo, que é muito bacana ter um dia para que nossas esperanças, afervoradas pelo dito espírito natalino renasçam. Creio, com todo o meu coração, que o Natal é um momento em que devemos estar bem perto das pessoas que amamos, o mais perto possível, daqueles que fazem a nossa vida mais colorida, mais bonita, mais feliz.
Natal é tempo de relembranças. Natal é tempo de reviver e reviver momentos. Natal é tempo de agradecer por todas as conquistas e por todas as alegrias diárias. Não que seja o único dia em que devemos agradecer. Pelo contrário, devemos ser sempre gratos pelos degraus que galgamos na íngreme escada da vida. Entretanto, fazer um apanhado geral de tudo que houve de esplendoroso em nosso ano e agradecer no Natal é algo impagável e muito especial.
Claro, muitos reclamam da hipocrisia do Natal, no qual pessoas que durante o ano inteiro se evitam e/ou se ignoram, mas que nessa época se abraçam, trocam presentes, etc. Há muita hipocrisia no Natal, sim. Há sempre. Há em todo lugar. No entanto, podemos fazer escolhas. Eu, por exemplo, escolho não ser hipócrita. Eu escolho ficar perto de quem eu realmente gosto e aprecio a companhia. Eu escolho abraçar a quem eu tenho um apreço gigantesco. Eu escolho abrir meus braços àqueles que querem me abraçar. 
Um dos meus desejos natalinos é que um dia, oh! um dia!, esse espírito bonito de se compadecer e tentar solucionar as necessidades alheias não exista apenas no Natal. Que a bondade e a capacidade de visualizar o que acontece ao redor permaneçam durante todos os dias do ano. 
Que não sejamos omissos ao que é iníquo. Que não sejamos passivos diante de covardias. Que não sejamos mais um na multidão. Que sejamos da cor verde-limão. Chamemos atenção, através de genuínos atos de gentileza, de benevolência e de honestidade. Contanto, sobretudo, sejamos naturais. Busquemos nos encontrar a todo momento. Encontrar a nossa essência, nosso equilíbrio, nossa forma de viver melhor nesse vasto mundo.
De coração, desejo a vocês, meus amigos, um lindo momento natalino, no qual a alegria e a paz pairem. 
Um abraço enorme da @ericona, a bonita.
Hasta!

7 comentários:

  1. Sejamos verde limão foi ótimo!!! Eu assisti esse filme pela primeira vez a quase 10 anos atrás com minhas crianças de 2 e 3 série.... boas recordações!!! Obrigada por essa mensagem Erica!!!

    Cheiros, abraços e tudo o mais...

    ResponderExcluir
  2. Que lindo, natal realmente é uma época/data única. Reflexiva demais, e devemos aproveita-lo bem.
    Feliz natal pra ti.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Adorei muito!!!
    Parabéns, essas descobertas são ótimas!

    bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. O fato de eu ainda gostar desses feriados é porque assim se reúne toda a família.

    ResponderExcluir
  5. Lindo, Erica! Bela música e belas palavras. O importante é a gente sempre acreditar e fazer por onde acontecer. Eu acredito também :)

    ResponderExcluir
  6. Olá Erica, acho que o natal tem muito dessa magia, em acreditar, acreditar que se pode mais, que se pode vencer ou simplesmente acreditas nas coisas simples da vida, pois são elas que fazem parte da nossa felicidade, linda musica, bem tocante, beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Gosto muito do natal, mas esse ano acho que minha família e eu estavamos sem clima natalino, devido à reforma da casa, que deixou todo mundo cansado. Nem deu pra fazer decoração, montar árvore, etc!
    Ah, espero que ano que vem seja melhor.
    Beijos!
    www.nathlambert.blogspot.com

    ResponderExcluir

Fico feliz que tenha visitado o Sacudindo Palavras! Sempre que sentir saudade, volte. Será muito bem-vindo (a).

E então, quais as palavras que você irá sacudir?