11 julho 2016

Tudo que vai, volta. Ou não.

É, talvez nem tudo que vai, volta. Mas eu, depois de uns três meses longe desse bloguinho querido, voltei!

Fonte

Motivos que me fizeram ficar afastada do blog por tanto tempo, como nunca antes: no primeiro mês, em decorrência de uma mescla de preguiça e falta de tempo; nos dois últimos meses, estava sem internet no computador. Vocês podem imaginar o quanto fiquei louquinha sem internet. Usava apenas os dados móveis do celular, que acabavam logo e não permitiam fazer muitas coisas além de responder mensagens no WhatsApp e acessar Facebook e o Twitter.  Porém, minha agonia acabou dia 28 de junho, quando finalmente passei a usar um outro serviço de Internet, que até agora não me deu problemas e parece ser mesmo bom.
Nesses meses distante desse cantinho, não fiz muito mais do que nadar, estudar e às vezes ler e assistir uns filmes. Viajei também. Fui a Fortaleza, no início de junho, nadar os Jogos Aquáticos do Ceará, competição na qual conquistei cinco medalhas (3 de ouro, 1 de prata e 1 de bronze). Foi uma competição difícil, visto que estava sem treinar por conta de dores na lombar e no joelho, mas, no entanto, deu pra manter algumas marcas e ter bons momentos, dentro e fora d'água. No meio do mês de junho, viajei a São Paulo por duas razões: fazer uma avaliação ortopédica no Instituto de Órtese e Prótese (IPO) e participar do Aberto Paulista de Natação, organizado e realizado pela Federação Paulista de Desportos para Cegos (FPDC). Descobri, depois de 26 anos, que há uma prótese maravilhosa para o meu tipo de coto, com o pé em fibra de carbono. Um sonho! Contudo, custa cerca de R$ 25.000, e óbvio que eu não tenho condições de comprar. Portanto, farei uma campanha muito em breve para arrecadar a grana da prótese. Tenho bons amigos que sei que me ajudarão e compartilharão a campanha nas redes sociais e/ou no "boca a boca". Minhas dores na lombar e no joelho, segundo o querido fisioterapeuta e protético da IPO, são em decorrência da prótese de baixa qualidade que uso, que não me dá sustentação na perna nem amortece minha pisada; assim, forço muito a ponta do coto pra andar, fazendo com que minha tíbia, joelho e lombar doam loucamente. Sendo assim, adquirir essa prótese de alta qualidade não será apenas pra poder ser corredora (eu quero muito experimentar a sensação de correr sem sentir tanta dor ou achar que a prótese vai "rasgar" a qualquer momento), além de nadadora, mas, sobretudo, será pra viver melhor e diminuir os ricos de lesões na coluna e na perna direita, devido ao encurtamento e a ausência de quase todo o pé direito. Sei que vai dar certo e, tão logo for possível, estarei andando bem, com qualidade e sem sentir tantas dores. Quando eu, junto com uns amigos super criativos e inteligentes, bolarmos a campanha, compartilharei aqui com vocês e em todos os meios possíveis e imagináveis. Desde já, conto com o apoio de vocês.
No dia 3 de julho, dias atrás, estive em Salvador, participando pela segunda vez de um dos maiores eventos de praia: o Rei e Rainha do Mar. Nadei a prova Classic (2km) no mar de São Tomé de Paripe, e foi muito bom, apesar de eu ter me perdido muito durante a prova. Acontece o seguinte: eu uso óculos e tenho 4,5 de grau no olho esquerdo e 4,0 no olho direito. As lentes dos meus óculos de natação são comuns, sem graus, então eu realmente fico perdida no mar, e tenho que fazer um esforço enorme pra enxergar as boias que traçam o percurso da prova. Eu já deveria ter providenciado óculos de natação com grau pra nadar no mar, porque na piscina não é algo que me prejudica tanto, mas em mar aberto é algo que preciso pra ontem. Conquistei um lindo troféu em terras baianas: primeiro lugar na prova Classic, categoria PCD (pessoa com deficiência) feminino. Foi bem bacana ouvir meu nome sendo anunciado nos altos falantes, subir ao pódio e ser premiada pelo Pedro Scooby, surfista de grandes ondas. Foi mágico! Vivo justamente pra poder ter mais momentos assim, que me elevam o espírito e me fazem sentir que tudo, ao final, vale a pena.
Acho que, por hoje, é só. O intuito era mesmo só registrar os motivos pelos quais fiquei fora e dizer que estou de volta. Não sei qual será a frequência das postagens, apenas tenho comigo mesma que sempre que bater uma vontade de transformar pensamentos em letras, preciso vir aqui. Não posso deixar a procrastinação roubar uma das coisas que mais gostava de fazer: escrever. Escrever sobre tudo e nada, sobre levezas e extremos. Não posso deixar de escrever minhas histórias, muito menos de inventar estórias e fingir ser poetisa, cronista e contista. Escrever é delicioso e preciso voltar a fazer disso um hábito que eu sei que vai me fazer bem e mais alegre.

Por fim, uma música bonita que tenho ouvido nos últimos tempos:

Quase sem querer - Legião Urbana

♫♪♫ Tenho andado distraído
Impaciente e indeciso
E ainda estou confuso
Só que agora é diferente
Estou tão tranquilo
E tão contente

Quantas chances
desperdicei
Quando o que eu mais queria
Era provar pra todo o mundo
Que eu não precisava
Provar nada pra ninguém ♫♪♫



• • •
Até a próxima, gente. E que seja em breve!

Fan Page Sacudindo PalavrasTwitter Sacudindo PalavrasFan Page Atleta Erica FerroTwitter Erica Ferro

18 comentários:

  1. Olá, Erica.
    Ficar sem internet é muito ruim. Não sei como a gente vivia antes hehe. parabéns pelas conquistas e pelas muitas que virão. Quando lançar a campanha pode contar comigo que ajudo a compartilhar.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  2. Oie Erica =)

    Seja bem vinda de volta!
    Eu como dependo da internet para trabalhar, me vejo meio doida quando ela está lendo e não funcionando direito rs...

    É engraçado como nos tornamos tão dependentes dela não é?

    Parabéns pelas conquistas e que elas se multipliquem sempre em sua vida.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ps: Amei a música <3

    ResponderExcluir
  3. Olá, Erica.

    Primeiramente, parabéns pelas medalhas. Tenho certeza que é apenas mais um passo nessa sua carreira de esportista. Muitas outras coisas boas ainda virão pela frente.

    Quanto à prótese, ela é um tanto salgada. Mas, atualmente, tudo que é de qualidade é bem caro. Se vai melhorar sua qualidade de vida, vale sim a campanha.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de julho. Serão quatro livros e dois vencedores!

    ResponderExcluir
  4. boa tarde, tudo bem?
    Boas vindas! E quanta coisa aconteceu neste tempo, hein? D:
    Parabéns pelas conquistas!
    Realmente próteses são caras, mas acredito sim que valha muito a campanha.

    PROMOÇÃO DOIS ANOS DO BLOG BIO-LIVROS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dani, são mesmo caras, mas também acredito que valem muito a pena. =)

      Excluir
  5. Oi Erica!
    Ficar sem internet é muito difícil, não sei o que eu faria!
    Parabéns pelas competições e pelas conquistas!!!! E estou torcendo para dar tudo certo com a nova prótese. Faça uma vaquinha na internet, sempre tem gente boa disposta a ajudar.
    Ah, sobre não enxergar na água... você já tentou usar lentes de contato? Eu fazia natação e também não enxergo nada, aí colocava as lentes para fazer a aula e os óculos de natação por cima. Deixava bem apertado e aí não entrava água. Minha professora na época tinha falado que tem lugares que fazem óculos de natação com grau, mas acabei não indo atrás disso, nem sei quanto custa...

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uhum! Vou fazer sim, Sora ♥.
      Não gosto muito da ideia de usar lentes. Acho que não me acostumo... (risos). Eu vou tentar mesmo é ir atrás de óculos de natação com grau. Eu pesquisei alguns preços e é um pouco caro, mas vale a pena.
      Obrigada pelas dicas ;).

      Excluir
  6. Oi, Erica! Tudo bem? Seja bem-vinda de volta! Ficar sem internet é um saco, né? Mas que bom que tudo se resolveu. Parabéns pelas medalhas! E awnnn, amo essa música de Legião Urbana! <3

    Abraço

    https://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Tony! Legião é amor, né? ♥

      Excluir
  7. Ficar sem internet é muito complicado. Dá uma raivinha básica. Parabéns pelas conquistas. Vi algumas no Facebook. Super apoio tu fazer uma campanha para conseguir a prótese ideal para você. Elas são muito caras. Adorei a escolha da música. Legião é tudo de bom.
    Ótimo fim de semana. Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ain! Obrigada ♥!
      Vou fazer a campanha em breve!
      Amo Legião. Beijo.

      Excluir
  8. Oi queridona!
    Bem-vinda de volta! <3 Senti sua falta, sabia?
    Em primeiro lugar: amei aquele comentário maravilhoso, tanto que corri pro Twitter pra começar o debate na hora. :P
    Em segundo lugar: amei seu relato sobre os últimos meses. Meus parabéns pelas provas e pelas conquistas! Eu queria saber nadar, a sensação deve ser incrível. Mas tenho um meeeedo que nossa! :P
    E bora conseguir essa prótese pra você! Aí sim não vai ter prova que te pare. =)
    Beijos,

    Priscilla
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha! Que bom que gostou do meu comentário sobre "Como eu era antes de você".
      Sim, nadar é maravilhoso. Você tem que aprender, vai amar.
      Vamo sim! Vaaaamo conseguir essa prótese maravilhosa ♥/1

      Excluir

Fico feliz que tenha visitado o Sacudindo Palavras! Sempre que sentir saudade, volte. Será muito bem-vindo (a).

E então, quais as palavras que você irá sacudir?