30 maio 2012

Sobre ser sonhador

Eu tenho sonhos, e você? Poderia contar-lhe sobre os meus sonhos, mas prefiro discorrer sobre a minha insistência, sobre a minha vontade incansável de realizá-los.
Olha, lê-me com atenção, se você tem um sonho, não desista dele. Nunca.
O quê? Você já tentou várias vezes, mas, infelizmente, fracassou? Que coincidência! Eu também!
Mas eu sou do tipo que nunca desiste, sabe? Nunca mesmo. Mesmo quando todo o mundo já não acredita mais em mim; mesmo quando as pessoas, cruelmente, aconselham-me a desistir. Sim, porque é extremamente atroz desestimular um sonhador.
Diz-me que sentido teria a minha vida se eu desistisse dos meus sonhos? A vida por si só não faz sentido! Os meus sonhos tornam a minha vida significativa, dão-me ânimo para acordar todos os dias e guerrear por eles. Por que, meu Deus, eu desistiria deles?
Eu sei, eu sei, nem só de sonhos pode viver o ser humano. Porém, nada me impede de lutar por meus sonhos enquanto, paralelamente, sobrevivo, levando uma vida convencional, cumprindo todos os deveres de membro da sociedade. Nada me impede. Eu sei que posso lidar com isso. Eu sei que consigo conduzir os meus dias dessa forma. O que eu não posso é desistir. Seria injusto comigo mesma. Não quero me tornar uma pessoa frustrada, com o peso de uma desistência sobre os ombros. Não, eu não quero nem vou.
Apego-me a uma frase que vi por aí: se posso sonhar, posso realizar.
É isso. É exatamente isso. Eu posso realizar. Você pode realizar. Nós podemos realizar os nossos sonhos. Por isso eu quero pedir-lhe encarecidamente: não desista. Eu sei que tentar, tentar e tentar sem conseguir consideráveis avanços pode ser frustrante, mas não desista. Uma hora as coisas vão dar, finalmente e maravilhosamente, certo. Creia nisso.
Quando alguém, sutilmente ou diretamente, admoestar-lhe a desistir, não escute-o. Limite-se a respondê-lo com um "você nunca teve um sonho, não é?". Porque de fato alguém assim não deve saber o que é sonhar.
Não é todo mundo que sabe lidar com a arte de sonhar. Sonhar é para os fortes. Só os fortes persistem ainda que as coisas deem terrivelmente errado por um tempo desagradavelmente longo. Só os fortes continuam acreditando em si mesmos quando todos viram as costas para eles. Só os fortes sonham e lutam bravamente para conquistarem os seus sonhos.
Eu quero crer que eu sou forte. Eu quero crer que sou uma verdadeira sonhadora. E você?

Erica Ferro
*

Há muito tempo estava com as ideias desse post martelando na minha cabeça. Precisava escrevê-lo. Não sei se saiu como eu gostaria, mas me sinto mais leve agora. Sonhemos, meus queridos! Sonhemos e realizemos! Ah, e se o post ficou com cara de autoajuda, não me importo.
(...)
Um abraço da @ericona.
Hasta!

7 comentários:

  1. Boa tarde :)
    Eu sou um sonhador e mesmo quando o que sonho não acontece,eu vou atrás dele mesmo caindo e tal.
    Muito bom o texto :)

    Beijos e cuide-se

    RIMAS DO PRETO

    ResponderExcluir
  2. Muito bom. Sabe, quando temos ideias, pelo menos no meu caso, colocá-las em prática ou anotá-las é essencial, senão esqueço e acabo não postando -q
    Beijão e uma ótima semana :D

    http://vitaminadepimenta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi!!!
    Eu achei o seu texto tão bom, daria um monologo de teatro, me imaginei em cena falando ele. acho que estou saudosa de voltar pro teatro, e como vc disse, não se pode desistir dos sonhos neh.
    Gostei muito, bjoss

    ResponderExcluir
  4. Ah Erica, que lindo texto e muito motivador *O* Eu sempre fui sonhadora, mas há um tempo parei com isso e me senti tão vazia, tão sem vida por não querer mais sonhar :/ Por que ás vezes me iludia com certas coisas e sempre me decepcionava, mas agora sei que sonhar é bom, e acreditar que posso realizar meus sonhos é maravilhoso <3

    Menina, tá LINDÃO seu blog *O* Amei amei amei <3

    Beijos
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  5. Acho que esse é um defeito que preciso muito melhorar em mim: não tenho essa persistência de continuar sonhando como você, e queria ser assim. Mas o desânimo bate à porta e eu simplesmente começo a pensar negativamente, achando que nada vai dar certo, aí eu desisto. Adorei seu texto, e te admiro por essa tua persistência!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Ah menina, sonhar realmente é algo muito importante. Não posso dizer que sou muito sonhadora porque pra mim sonho é coisa impossível, o que é possivel eu transformo em metas e faço planos e tudo o mais! rs
    Adorei o texto, viu?

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Sonhar ainda é permitido. Ainda bem.
    Beijos, Ericona.

    ResponderExcluir

Fico feliz que tenha visitado o Sacudindo Palavras! Sempre que sentir saudade, volte. Será muito bem-vindo (a).

E então, quais as palavras que você irá sacudir?